Queremismos Atos

Quantos quereres!
os meus haveres
são todos teus…

tantos prazeres
nos teus quereres,
sou eu ateu?

nos meus viveres
tem teus quereres,
quem prometeu?

somos amperes
e o que queres?
Sou eu Leteu(1)?

Mesmo que geres
novos quereres,
serei eu teu Mantéu(2)?

Quero que imperes,
nos meus quereres
pra ser teu eterno Cartel(3)…

——-
(1) do Lat. lethaeu, relativo ao Letes, rio fabuloso do esquecimento; mortífero; infernal.
(2) do Fr. manteau, lugar onde se pronunciavam os oráculos.
(3) do It. cartello, cartaz, carta de desafio.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: