Espelhos Invertidos XI

XI – Orb Mevon! – (a sapiência)

Novos mundo, novos rumos…
Olhamos a vista a se perder,
Vingamos às derivas,
E as tempestades desprezamos…
Muitos desistem em continuar,
Benditos os que continuam…
Resta-nos estão o respeito ao amor:
Ousamos, como amantes, a mais um beijo!

És o grisalho permanente da loucura…
És o esmaecer de olhares inibidos…
És o pretérito perfeito do querer…
És a relutância pacífica da humanidade…
És o manifesto renovado…

Que marcou em mim
Impactos culturais
De saberes imprescindíveis…

(Abr: 22, 1987)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: