Lágrimas Varridas

Oh tristes canções, o que faço?
De a vida trazer-me virtudes?
Insisto em manter os meus passos,
Se alguém me entende, me ajude!

Critico meus dias perdidos
Com sonhos, com um quê de utopia
Varreram o qu’eu não tinha lido
Valei-me o que livraria?

Escrevo meus textos em hebraico
Pensando em murmúrios de história…
Preciso lavar a memória!

Canções que eu canto tão laico
Qual choro que a chuva cantou
Num dia tão brusco chegou!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: