Vicissitudes, Meus Vícios Retorcidos

Sinto a falta de mim mesmo
Quando estou desolado canto do quarto!
Uma retidão de termos…
Sou a própria sílaba vaga!
Meus olhos se enchem de orgasmos
E me sinto fantasma
De minha alma…
Escandaliza-se minha alma
Porque precisa de mim!

Um zodíaco de Bach, Mozart ou Vivaldi
Ficam rondando rondós em loop na vitrola!
Nos discos, as faixas são eternas
E as pessoas não sabem que se vão…

Uma série de repetições fizemos!
Num dos menores
Momentos de minha vida,
A grade isola,
A cadeia sangüíneas compulsivamente
Em danças medievais, agride os sentidos!

Aonde vou?
A procura é utópica!
Fricciona minha face
Pálida sem o valor legal,
Externo dos sentimentos,
Arruinados de construir
A morte em episódios,
E o ódio vira corte
E a cortesã dos meus desejos
(minha tez se rompe
em outra tez)
ajoelha-se na oralidade
do prazer!

Pelo menos
Os ritos
Dos veneráveis
Dos mais venenosos,
Traem-se…

O choro se desbalda
Na crendice do saber
E um vento pela janela
Indica uma pausa…

um silêncio…

tenho que partir!!!

Sei que novo a outros olhos
Sou casa velha!

Não quero despejar
Velhos inquilinos…
O contrato é anulado
E desvirginado está o nosso pacto!

Mas meu Deus!
O que é que pretendo com isto?
Sou apenas um embrião retorcido
Na câimbra humana das virtudes…
Um piano desafinado
Que extinguiu melodias…
Que perderam suas claves
Pelo tempo!

Reflito!

Nasci da união de foi fetos
Evoluídos!
(…)
conscientes ou inconscientes,
nasci!

O que pretendo?
Hoje na morbidez de minhas palavras
Adoento-me no meu corpo
E se sou corpo:
Reprovei!

(Jan: 06, 1981)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: